• Redação

Após morte de 3 servidores por coronavírus, ALE-RO suspende atividades a partir de quinta-feira (04)



A Assembleia Legislativa de Rondônia (ALE-RO) publicou um ato nesta quarta-feira (3), que suspende as atividades legislativas e administrativas da Casa de Leis. A nova regra passa a valer a partir desta quinta-feira (4) e se estende até 12 de junho, com possibilidade de prorrogação.

A ALE-RO informou, por meio da assessoria, que três servidores morreram em decorrência do novo coronavírus e há outros que testaram positivo para Covid-19. Conforme a Casa de Leis:

  • Os servidores, nos dias úteis e no horário de expediente, deverão permanecer em casa de sobreaviso e disponíveis para imediatamente comparecer à ALE e atender eventual necessidade emergencial e inadiável;

  • A chefia imediata deverá observar a convocação da quantidade mínima de servidores necessária ao atendimento do trabalho emergencial e inadiável e dispensá-los assim que terminarem o serviço;

  • Os servidores cumprirão suas atividades em home office durante o horário de expediente, em regime de sobreaviso por contato telefônico ou outro meio eletrônico.

Segundo a ALE, será considerada falta grave se algum servidor for visto, em dias úteis e horário de expediente, em shopping, academias, cinemas, bares, festas ou outros ambientes que tenham aglomerações. Durante o período de suspensão das atividades, fica proibida a entrada de qualquer pessoa na ALE, exceto servidores da vigilância e controle de acessos, além dos que forem convocados para demandas urgentes ou inadiáveis, sob autorização da presidência ou da secretaria geral. Ascensão da Covid-19 Rondônia registrou na terça-feira (2) mais 12 mortes devido ao novo coronavírus, totalizando 172 óbitos. O número de casos confirmados chegou a 5.477, sendo 305 a mais que o balanço da última segunda (1º). Os dados foram divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde (Sesau). Dos 12 óbitos, oito foram em Porto Velho, sendo três mulheres (60, 63 e 73 anos) e cinco homens (45, 48, 79, 80 e 81 anos). Um homem de 53 anos morreu em Cacoal, e uma mulher de 45 anos de Cerejeiras. Também foram registradas as mortes de um homem de 74 anos de Alto Paraíso e um homem de 75 anos de Guajará-Mirim.


Fonte: G1/RO