• Redação

Em protesto, servidores da saúde paralisam trabalhos por uma hora

Na manhã desta terça –feira (14) servidores da saúde municipal interromperam o atendimento pelo período de uma hora como protesto contra as péssimas condições de trabalho e a defasagem salarial.

Caio informou que a interrupção de 01 hora nos trabalhos não afetara o atendimento uma vez que os serviços de urgência e emergência não serão paralisados.

“Estamos informando todas as nossas decisões ao Executivo ao Ministério Público, é uma mobilização pacifica em busca de nossos direitos”, destacou Caio.

A mobilização padrão de uma hora por dia segundo Caio não será uma previa de uma greve que por enquanto não está nos planos da comissão. Segundo o servidor de carreira a ideia é chamar a atenção do Poder Executivo para que se inicie um canal de negociação e os anseios da classe sejam atendidos pela gestão atual.

A categoria já vem a duas décadas tendo os seus salários achatados através de várias gestões que passaram e até agora ainda não visualizamos nada de concreto em relação a melhorias para a classe”, finalizou o bioquímico Caio Sales.

Fonte: Folha Espigão